downloadLei Complementar nº 101, de 4 de maio de 2000, intitulada Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), estabelece normas de finanças públicas voltadas para a responsabilidade na gestão fiscal, com o propósito de assegurar a consecução das metas fiscais e a transparência dos gastos públicos, pressuposto da “gestão fiscal responsável”.

Como instrumento de transparência da gestão fiscal, a LRF instituiu o Relatório de Gestão Fiscal (RGF), abrangendo as informações referentes à consecução das metas fiscais e dos limites de que trata a Lei.

O RGF deve conter informações relativas à despesa total com pessoal, dívida consolidada, concessão de garantias e operações de crédito, entre outras. FONTE CGU.

Ano – 2016

LRFLEGMUN1ºQUA2016CMItaoca

LRFLEGMUN2ºQUA2016CMItaoca

LRFLEGMUN3ºQUA2016CMItaoca

Ano – 2017

LRFLEGMUN1ºQUA2017CMItaoca

LRFLEGMUN2°QUA2017CMItaoca

LRFLEGMUN3°QUA2017CMItaoca (com correção,publicação jornal)  

Ano -2018

LRFLEGMUN1QUA2018CMItaoca

LRFLEGMUN2QUA2018CMItaoca

LRFLEGMUN3QUA2018CMItaoca

Ano -2019

LRFLEGMUN1QUA2019CMItaoca

LRFLEGMUN2QUA2019CMItaoca